Almeirim organiza seminário sobre tecnologias e programação

De forma a permitir o contacto com algumas das tecnologias atualmente em utilização nas escolas, sendo algumas já conhecidas, mas outras novidade, realizou-se um WorkShop sobre tecnologias e programação para alunos, no dia 9 de junho, especialmente direcionado para o 4º ano do ensino básico dos dois agrupamentos de Escolas do Concelho.

Quando em 2008/2009 o governo lançou o programa “Magalhães” já Almeirim tinha iniciado em 2007/2008, com duas escolas e em fase piloto,  o projeto de educação tecnológica PET21, que para alem de outros desígnios, pretendia levar o computador e as tecnologias para a sala de aula, logo no 1o ciclo.

Hoje, após cerca de nove anos do projeto, vem o governo apostar na preparação dos nossos estudantes ao nível da programação, afirmando que Portugal precisa de 40.000 programadores especializados.

Mais uma vez Almeirim se antecipou e no ano letivo passado já tinha aderido à iniciativa piloto “programação no primeiro ciclo” com duas escolas e alargado este ano letivo a todos os quartos anos do 1.º ciclo, numa parceria direta entre o agrupamento de Almeirim e o PET21.

“Continuamos convictos que estamos no caminho certo, continuaremos a apostar fortemente neste projeto, com grandes investimentos, é certo, como  a atualização de mais de 30 quadros interativos, um investimento na ordem dos 25.000€, a robótica, a Escola Virtual, apenas para dar três exemplos, mas entendemos que desta forma estamos a motivar e preparar melhor as nossas crianças para o futuro que inevitavelmente será fortemente dominado pelas tecnologias e por profissões com elas relacionadas”, diz a autarquia.

 

.