Empresários fazem balanço positivo de missão empresarial à Colômbia

A NERSANT e o conjunto de seis empresas que viajaram sob a liderança da Associação regressaram da missão empresarial à Colômbia esta semana, trazendo em carteira diversas oportunidades de negócio.

A missão empresarial decorreu entre os dias 21 e 28 de fevereiro, em duas cidades colombianas distintas. A viagem de negócios decorreu inicialmente na capital deste país, Bogotá, tendo sido realizadas não só as reuniões de caráter empresarial, mas também algumas reuniões institucionais.

No primeiro dia de trabalho em Bogotá, as empresas reuniram com o Embaixador de Portugal na Colômbia, João Ribeiro de Almeida, que fez questão de receber a comitiva de empresários na sua residência oficial. Ainda em Bogotá, os empresários reuniram com a sociedade de advogados Moncada Abogados, que lhes explicou os trâmites legais para investimento ou representação no país.

Tanto em Bogotá como em Medellin, para onde a comitiva de empresários partiu no dia 24 de fevereiro, as empresas participantes na missão empresarial organizada pela NERSANT concretizaram dezenas de reuniões de negócios, previamente agendadas pela associação empresarial, tendo em conta os objetivos estratégicos apontados pelas empresas antes da viagem de negócios.

Passados apenas alguns dias do regresso dos empresários, a NERSANT fez um balanço da missão empresarial à Colômbia – a primeira liderada pela associação a este mercado – e concluiu que existem grandes perspetivas de negócio para as empresas que participaram nesta ação de apoio à internacionalização.

José Dotti, da empresa Astel Lda., esteve pela primeira vez na Colômbia e referiu ter ficado “bastante impressionado com as pessoas, as empresas e o ambiente de negócios do país”, que considerou ter um “futuro interessante”. No que diz respeito aos seus objetivos, o empresário afirma que as suas expetativas foram inteiramente cumpridas: “o nosso objetivo com a participação na missão empresarial à Colômbia foi fazer prospeção de negócios neste país no sentido de aqui encontrarmos um parceiro de negócio que comercialize e faça o pós-venda do nosso produto. Realizámos na Colômbia 20 reuniões, 15 delas empresariais, tratando-se de visitas a potenciais clientes e/ou parceiros, e temos neste momento 11 propostas efetivas em carteira”, revelou o empresário.

Estreou-se também na Colômbia o empresário Hélder Frade, em representação da empresa de Ourém, Fametal. Do ponto de vista do responsável, a Colômbia trata-se efetivamente de um mercado interessante e a missão empresarial correspondeu às suas expetativas. “De salientar o profissionalismo e organização da NERSANT, que garantiu que todo o programa da missão e interesses das empresas fossem respondidos”, fez saber.

A missão empresarial contou ainda com a presença do empresário Mário Correia, representante das empresas EcoEdifica / MCS. “A Colômbia recebe bem e é notório que os portugueses são bem-vindos a este país”, começou por dizer o empresário, acrescentando ainda que a regressou da Colômbia com um sentimento de missão cumprida. “Os empresários realizaram dezenas de reuniões de negócios e regressaram a Portugal satisfeitos. Quanto a expetativas, cabe a cada um trabalhar os contactos que trouxe. Afinal de contas, ninguém colhe sem semear primeiro e foi exatamente isso que fomos fazer”.

Para mais informações sobre as ações de internacionalização da NERSANT, os interessados devem contactar o Departamento de Apoio Técnico, Inovação e Competitividade da Associação, através dos contactos datic@nersant.pt ou 249 839 500. Seguem-se missões ao Gana e a Moçambique.

.