Não há soluções, há caminhos: 9 setembro

A televisão e a internet, se têm grandes potencialidades, também podem desestruturar e degradar as pessoas, pela insistência nos aspectos mais negativos do ser humano, a violência, o sexo sem regras, o culto do dinheiro e da imagem. Ao chocar e escandalizar destroem o desenvolvimento harmonioso da pessoa, especialmente dos mais vulneráveis. Há que fomentar uma pedagogia da correcta utilização destes poderosos meios de comunicação e saber boicotá-los quando é necessário.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.