Mulheres

No passado dia 8 de Março, celebrou- -se o Dia Internacional da Mulher. No dia 9, realizou-se uma manifestação promovida pelo Movimento Democrático de Mulheres (MDM), onde mulheres de norte a sul do País se uniram e cuja palavra de ordem foi IGUALDADE! «Igualdade na vida é um combate do nosso tempo», foi este o lema dessa Manifestação Nacional. Igualdade na vida, e tudo o que esta engloba, pessoal, política e socialmente. Sabemos que desde a Revolução de Abril, houve um grande avanço na eliminação das discriminações e na consagração da igualdade na lei e que foram criadas condições para existir uma mudança da sua condição e estatuto social. Mas muito há a ser feito! Em Portugal ainda se regista situações de discriminações sobre as mulheres, evidente na precariedade laboral, desregulação dos horários, nos salários mais baixos com reflexos em mais baixas prestações sociais, na degradação do estatuto socioprofissional das trabalhadoras, bem como o incumprimento dos direitos de amamentação, de maternidade e paternidade, nos obstáculos colocados aos jovens casais quanto ao direito de decidir sobre o momento e o número de filhos que desejam, na ausência de eficácia nas medidas de prevenção e combate à violência doméstica. É necessário “hoje”, no “nosso tempo”, nós mulheres, lutarmos por melhores políticas que assegurem os nossos direitos enquanto trabalhadoras, cidadãs e mães, porque esse é o requisito necessário para que possamos viver, trabalhar e participar em igualdade em todas as esferas da vida, dando-nos confiança para nos assumirmos como protagonistas das mudanças que desejamos para as nossas vidas!

Ana Rita Monteiro
CDU Almeirim

.