Igualdade e Violência

Nas últimas semanas a violência doméstica e a igualdade de gênero têm sido temas muito abordados pela comunicação social e mesmo nas redes sociais. Estes dois temas são um problema real que pela grande maioria é desvalorizado. Está na altura de se começar a valorizar e tentar resolver estes problemas, sim a violência doméstica e igualdade de gênero é um problema de todos!

Não só de mulheres como muitos pensam. Só este ano já morreram 13 mulheres associado à violência doméstica. Números chocantes visto que ainda estamos no inicio do ano. Mas que será que vai na cabeça destes humanos para ter a capacidade psicológica de matar alguém como se nada fosse? Que mentalidades são estas?! Isto não é digno do século em que vivemos.

Dizemos que somos o povo mais inteligente do mundo, mas depois vê-se este tipo de situações que demonstram algumas dúvidas em relação a isso. Agora igualdade de gênero, usando uma frase usada pela Eurodeputada Liliana Rodrigues, “que o maior perigo que as mulheres tenham de enfrentar não seja o facto de terem nascidos mulheres”, algo que nos deve fazer pensar, pois vê-se uma enorme desigualdade entre homens e mulheres. Um mero exemplo é no desempenho da mesma função uma mulher ao final de um ano recebe o equivalente a menos 2 meses de salário que homem. Ambos estes temas são uma luta da humanidade! Não uma luta de mulheres. A desigualdade de gênero e a violência doméstica têm de acabar. E tem que começar por nós, geração mais jovem.

Joaquim Gomes

.